A crise chegou, mas a venda de doces e salgados não para

dicas-para-fazer-salgados-para-vender-91423230153

A crise chegou e você não deve ficar parado, pois inúmeras pessoas serão afetadas até que o Brasil volte a andar nos trilhos.

Contudo, mesmo que não houvesse crise, uma coisa é certeira, quem fica parado nada desenvolve.

Portanto, se você gosta de exercer sua criatividade e tem paixão por alimentos por que não trabalhar diretamente com essa necessidade básica?

Você já pensou que aproveitar essa necessidade básica e oferecer diferentes produtos e serviços pode ser uma maneira incrível de complementar a sua renda ou abrir um negócio próprio?

Tendo isso em vista, diversos empreendedores acabam por ingressar nesse mercado, principalmente pela facilidade na produção.

Outros motivos são: a alta aceitação do mercado pelos produtos alimentícios, a possibilidade de exercer sua criatividade e ainda mais o lucro, que não pode faltar em nenhum negócio.

Dentro deste contexto, uma atividade que está bastante em alta é a venda de doces e salgados produzidos de modo artesanal.

doce-12_13_147283

Montar um negócio na cozinha de casa é algo que não requer muitos investimentos.

É provável que você já tenha quase todos os equipamentos em sua própria cozinha.

Mas é preciso cautela, nem sempre oferecer um cardápio tradicional de doces e salgadinhos às pessoas significa negócio fechado.

Isso porque, é necessário compreender as necessidades e ter conhecimento no mercado ao qual você pretende ingressar.

A boa notícia é que este conhecimento de mercado, confecção e até mesmo de divulgação podem ser encontrados em cursos online e na própria internet, através das pessoas com as quais você convive.

Assim você poderá implementar novas receitas e atingir as necessidades do seu público-alvo ou ao menos oferecer uma diversidade de produtos incríveis.

E aí gostou? Se quiser saber mais sobre como usar os salgados para abrir um negócio extremamente lucrativo, acesse o site da minha amiga Mariana e saiba mais.

Anúncios

Doces que são a cara do brasil

brigadeiro2

Gostar de doces todo mundo gosta, mas fica ainda mais gostoso quando sabemos que essas delícias tem a nossa cara, ou melhor, a nossa cultura.

São guloseimas que além de serem extremamente deliciosas carregam pitadas da nossa história.

No Nordeste, temos a baba de moça, beijinho, cajuzinho e canjica; no Centro-Oeste as balas de café fazem muito sucesso; no Norte tem variedades como a bala de maná, doce de buriti e tapioca; no Sudeste, brigadeiro, chuvisco, paçoca de amendoim, pé de moleque, curau, doce de abóbora e pamonha e no Sul, pão de açúcar e torta de maçã.

Várias dessas delícias são de preparo fácil e tem um ótimo custo de produção. Além disso, podem ser utilizadas para complementar a sua renda como um ganho extra ou até mesmo para alavancar um negócio próprio.

Não é incomum que atividades rentáveis comecem a partir de locais modestos com baixo investimento inicial.

Receitas-de-Paçoca-9

Lembre-se, milhares dos grandes empreendedores reconhecidos mundialmente hoje em dia, começaram em pequenos espaços, muitos deles até mesmo em suas próprias casas e tem até relato de um dos homens mais ricos do mundo que começou em sua garagem.

Como é o caso do empresário Bill Gates, fundador da multinacional Microsoft, que iniciando suas atividades em uma garagem alcançou o mundo todo.

Um belo exemplo de que pequenos negócios ou ideias podem render milhões!

Então, por que não começar sozinha ou com uma amiga na cozinha de casa?

E não é necessário investir uma grande quantidade de dinheiro para começar um negócio.

Todo o aparato você já tem, necessitando apenas de algumas adequações pontuais a serem realizadas com o decorrer do tempo.

E aí, qual é o doce tradicional da sua região?

Se inspire nos ingredientes que são mais comuns na cidade ou estado e comece hoje mesmo a ganhar dinheiro com essas e muitas outras gostosuras.

Food Truck: uma ótima oportunidade para quem quer começar a empreender

Chinese-food_truck_in_Nouméa,_New_Caledonia,_2011

Se você já nos acompanha deve saber que o mercado de alimentos é extremamente rentável, mas se não acompanha ainda fica aqui a dica.

Além da alta rentabilidade e da praticidade dos trabalhos desenvolvidos por quem quer começar a empreender no segmento da culinária, outro fator que se destaca é e necessidade de ser criativo.

Seguindo essa ideia, uma proposta que está fazendo muito sucesso no mercado atualmente é o food truck.

O nome, em uma tradução livre, significa basicamente “caminhão de comida”.

Essa ideia internacional começou ganhando força, no Brasil, especialmente nas capitais e hoje já pode ser encontrado em qualquer região do país.

O Food Truck é um espaço móvel, carro popular, caminhão, Kombi ou caminhonete, adaptado especialmente para conservar, produzir e vender de alimentos, ou seja, os produtos são feitos na hora ou conservados no próprio carro e disponibilizados para consumo dos clientes.

Food-Trucks

O diferencial é que quem investe nesse ramo não precisa ter um ponto fixo e como não está limitado a um local específico, pode atender em diferentes pontos da cidade.

A comida vai, literalmente, até o cliente.

Portanto, se em sua cidade tem algum lugar que está bombando com essa novidade, basta conversar com a organização e levar o seu automóvel adaptado e vender lanches de montão.

Os custos iniciais do negócio variam de R$10.000 a R$100.000, mas não se preocupe, a proposta do food truck cabe em todos os bolso devido a alta rentabilidade e adaptação fácil do ponto que tem estimulado diversas pessoas a se aventurarem no segmento.

A criatividade nesse setor também não fica de fora, pois são várias as opções de produtos que podem ser oferecidos, sendo possível atingir todos os paladares, desde os mais requintados até os mais modestos.

Cozinha em casa como renda extra

o-prazer-em-cozinhar-electrolux-2

As mulheres vêm conquistando cada vez mais espaço com o avanço da sociedade. Nos últimos anos, surgiram mais mulheres empreendedoras, desde micro empresas a multinacionais.

Segundo levantamento do SEBRAE, em 2016, havia registro de quase 8 milhões de mulheres chefes de família e que atuam à frente do próprio negócio.

Você quer ter mais tempo para realizar suas atividades e cuidar de você, mas sem deixar de ganhar dinheiro?

Já parou pra pensar que mesmo trabalhando em uma empresa para alguém, pode iniciar o seu próprio negócio?

Pois é, que tal pegar encomendas aos fins de semana e dar um pontapé na sua vida financeira?

Se você tem filho pequeno em escolinha, uma boa ideia é começar a se oferecer para cozinhar doces e salgados para as festas das outras crianças.

Converse com as mães na hora que for buscar o seu filho ou filha na escola e tire alguns minutinhos para explicar o seu projeto.

dicas-cozinhar-8-96679840

Você pode ainda preparar algumas delícias no aniversário do seu filho e em festas da escola como forma de apresentar para os outros o seu trabalho.

Atenda festas pequenas de familiares e amigos e peça para que eles te ajudem na divulgação.

Não tem coisa melhor para um negócio que os elogios dos clientes satisfeitos e suas indicações.

Parece mesmo que o “boca a boca” ainda é uma ótima ferramenta de marketing, não é?

Além disso, preocupe-se também com fatores como a qualidade do seu produto. Invista sempre em bons ingredientes, marcas confiáveis e no condicionamento desses alimentos, pois tudo isso irá resultar em docinhos e salgadinhos saborosos e irresistíveis.

Com muito carinho e dedicação o seu negócio pode superar e muito as expectativas, podendo lucrar mais do que você lucraria trabalhando como assalariada em uma outra empresa.

Para começar, sugiro que você escolha o nicho de vender salgados, que é um dos mais fáceis e lucrativos a curto prazo. Se quiser saber mais sobre como lucrar com salgadinhos, clique aqui.

Ideias para você ganhar dinheiro cozinhando

mulher-cozinhando-43307

A área da alimentação é uma ótima opção para você que quer ganhar dinheiro sendo dona do próprio negócio.

Mas se está sem ideias de como começar, nós preparamos uma seleção com várias atuações que você pode experimentar.

Por ser uma necessidade básica do ser humano, a alimentação é um trabalho tão lucrativo.

Conheça o leque de opções que tem à sua disposição e desenvolva um produto pensando em realizar o desejo de consumo e levar satisfação aos seus clientes.

Se você tem uma reserva financeira e pode investir em uma estrutura, excelente.

Escolha um local para seu estabelecimento, qual produto irá vender e comece a lucrar, mas se você não tem recursos, saiba que não ter o espaço físico não é um impedimento.

Há opções de comidas que você pode cozinhar de casa mesmo e depois vender seus produtos.

Tortas e bolos

Seja para ganhar um dinheiro extra para realizar determinado objetivo ou como fonte de renda principal, vender seus próprios produtos é uma boa alternativa de empreendimento.

A venda informal de tortas e bolos têm sido responsáveis pela renda de muitas famílias, por ser algo prático de produzir e transportar, além de ser delicioso e consumido por muita gente.

Mas não adianta você iniciar esse negócio sendo apenas mais uma que cozinha bolos e tortas.

Você vai conseguir lucrar, mas se tiver o desejo de oferecer um produto exclusivo e original, com certeza, seu retorno financeiro será bem maior.

image85

Salgadinhos

Se você até hoje só sabe como comer salgados vaia aprender agora como ganhar dinheiro vendendo salgados.

Aproveite as festas e eventos para lucrar.

Em quase toda festa infantil, por exemplo, a presença dos salgadinhos é certa, então uma boa ideia é definir um cardápio e aceitar pedidos.

Sim, produza sob encomenda. Dessa forma, irá preparar os salgados sempre que houver demanda de cliente.

Essa é uma opção, a outra é produzir sempre os quitutes e oferecer em diferentes locais, para pessoas, seus clientes direto ou para estabelecimentos que irão revender seu produto.

De toda forma, irá lucrar.

Prato feito

Você pode transformar esse simples produto em sua renda principal.

Uma ideia é produzir em casa mesmo e entregar as marmitas para os seus clientes.

Disponibilize um canal de contato, seja uma página no Facebook, um perfil no Instagram ou apenas um numero de telefone que aceite pedidos via WhatsApp, por exemplo.

Assim, poderá concentrar os pedidos, ir produzindo conforme a demanda.

Tenha alguém para te ajudar com as entregas. Se for um familiar, melhor ainda. Essa é uma ótima opção para conter custos.

Espetinhos

Esse é o tipo de negócio que você pode montar nas horas vagas, na porta de casa mesmo, e aos poucos, a medida que o dinheiro for entrando, investir na expansão.

Um empreendimento que requer baixíssimo investimento inicial, tem um prazo de retorno muito pequeno e elevada lucratividade.

Monte hoje mesmo e comece a faturar imediatamente.

Você pode oferecer sabores variados: carnes, queijos, legumes e até frutas.

Bem vindo ao meu blog

Olá, aqui é a Mara novamente, estou muito feliz em ter você aqui no meu blog.

Antes de dar início as informações e dicas que tenho prontas aqui com alguns super artigos, quero primeiramente das as boas vindas a todos vocês, leitores aqui do blog, que estão acessando meu site pela primeira vez.

BEM VINDO AO MEU BLOG!

Tenho a honra de iniciar hoje este projeto, onde posso compartilhar um pouco mais da minha história de superação.

Como já comentei aqui no blog, sou advogada de formação, porém nunca me contentei em viver como sardinha dentro de um escritório monótono cheio de regras.

Então, consegui largar tudo e ter meu próprio negócio, ganhando tanto quanto antes, porém fazendo meus próprios horários e fazendo algo que eu amo: cozinhar!

Aqui no blog trarei informações sobre como ganhar dinheiro vendendo doces, salgados e várias outras coisas.

Farei artigos e vídeos com dicas, curiosidades, informações e várias outras coisas para você.

Espero que acompanhe meu blog e goste do conteúdo.

Bjs!